"As sete regras de ouro da Ecocardiografia", por Dr. Nathan Herszkowicz.
leia mais

Ecocardiografia na Prática Clínica. Problemas e Soluções.
leia mais

Curso de Ecocardiografia para médicos intensivistas
leia mais

 

ECOCARDIOGRAFIA / CURSO BÁSICO

Datas:

2018
JAN FEV MAR ABR MAI JUN JUL AGO SET OUT NOV DEZ
                     

Nº de Vagas:

6

Indicado para:

Cardiologistas que querem se iniciar no método, assim como ecocardiografistas mais experientes, que desejam reciclagem dos conhecimentos já adquiridos com introdução de novas tecnologias.

Pré-Requisitos:

Graduação em medicina, de preferência especialista em cardiologia ou ecocardiografia.

1º dia

Abertura do Curso.

Aulas teóricas:

  • Aplicação dos ultrassons – formação de imagens, emissão, reflexão, refração, atenuação, artefatos.
  • Tipos de fluxo: laminar, distúrbio, turbulência, hemodinâmica, Equação de Bernouille.
  • Utilização do Doppler – princípios
  • Tipos: pulsátil e continuo – quando utilizar?
  • Cálculo das velocidades e transmutação em pressões.
  • Gradientes. Integral das velocidades obtidas. Cálculo do débito cardíaco.
  • Mapeamento de fluxo em cores.- quando utilizar?
  • O que é aliasing?
  • Como manipular os principais comandos dos equipamentos.
  • Como otimizar imagens – dificuldades inerentes ao biotipo.
  • Apresentação dos equipamentos.
  • Como redigir um laudo ecocardiográfico – objetivos principais e sua conclusão.

2º dia

Aula teórica:

  • Anatomia ecocardiográfica – principais cortes tomográficos.
  • Correlações anatômicas.
  • Identificação das estruturas.
  • Identificação das principais patologias por corte.
  • Posicionamento do transdutor – principais abordagens.
  • Posicionamento do paciente.
  • Modo M – seis medidas: nem mais, nem menos.
  • Viagem através do Doppler – das veias sistêmicas à aorta descendente.

Aula Prática com equipamentos próprios (e novos) da Escola: Vivid e (GE), Vivid S6 (GE), Vivid 3 (GE), M Turbo (Sonosite) + um equipamento fornecido por expositor (a ser contactado pela Escola). Total: 5 equipamentos (máximo de 2 alunos/equipamento).

3º dia

Aula teórica:

  • Função contrátil ventricular.
  • Cálculo dos volumes ventriculares.
  • Principais parâmetros. Análise crítica da fração de ejeção.
  • Principais métodos: Teichholz, Simpson.
  • Conceitos do dP/dt e do stress sistólico parietal.
  • Função ventricular diastólica.
  • Dopplerfluxometria Convencional: via de entrada e veias pulmonares.
  • Doppler tecidual.
  • Velocidade de propagação do fluxo mitral (modo M colorido).
  • Como identificar obstrução da via de saída do ventrículo esquerdo?
  • Hipertrofia septal assimétrica do VE.
  • Como classificar hipertrofias?
  • O coração do atleta.
  • Conceitos de massa, índice de massa e espessura relativa das paredes.

Aula Prática com equipamentos próprios (e novos) da Escola: Vivid e (GE), Vivid S6 (GE), Vivid 3 (GE), M Turbo (Sonosite) + um equipamento fornecido por expositor (a ser contactado pela Escola). Total: 5 equipamentos (máximo de 2 alunos/equipamento).

4º dia

Aula teórica:

  • Cardiomiopatias restritivas: simétrica, assimétrica.
  • Ventrículo pouco distensível – conceito.
  • Fisiopatologia da restrição ao enchimento ventricular.
  • Diagnóstico diferencial – miocardiopatia restritiva / pericardite constrictiva.
  • Cardiomiopatias dilatadas.
  • Etiologia.
  • Aspectos morfológicos.
  • Aspectos funcionais.
  • Disfunção diastólica restritiva.
  • Principais aspectos hemodinâmicos: fluxograma mitral, Doppler de veias pulmonares, velocidade de propagação do fluxo mitral.
  • Estenose mitral: anatomia, etiologias, aspectos morfo funcionais.
  • Quantificação da lesão: pressure haf-time, gradientes pico e médio, equação de continuidade.
  • Estimativa da pressão arterial pulmonar.
  • Abordagens para aferição dos gradientes.
  • Escores de Wilkins.
  • Insuficiência mitral: principais etiologias.
  • Aferição da severidade: vena contracta, fração de regurgitação, orifício regurgitante, repercussão hemodinâmica da lesão.
  • Associação com outras valvopatias.
  • Prolapso de vávula mitral: mixomatoso, clássico, não clássico, não prolapso.
  • Principais abordagens para o seu correto diagnóstico.
  • Identificação dos scallops pelos cortes tomográficos.

Aula Prática com equipamentos próprios (e novos) da Escola: Vivid e (GE), Vivid S6 (GE), Vivid 3 (GE), M Turbo (Sonosite) + um equipamento fornecido por expositor (a ser contactado pela Escola). Total: 5 equipamentos (máximo de 2 alunos/equipamento).

5º dia

Aula teórica:

  • Valvopatia aortica: estenose e insuficiência.
  • Estenose aortica: diagnóstico diferencial com esclerose.
  • Equação de continuidade. Cálculo dos gradientes pico e médio.
  • Área valvar.
  • Insuficiência aortica: medida do PHT da regurgitação.
  • Fração de regurgitação. Vena contracta. Repercussão hemodinâmica.
  • Insuficiência tricuspídea – primária / secundária.
  • Aferição da pressão sistolica do VD. Classificação.
  • Insuficiência pulmonar. Medida da pressão diastólica da arteria pulmonar e do VD.
  • Próteses – histórico.
  • Tipos e modelos
  • Como avaliar o mismatch.
  • Valor do eco transesofágico.
  • Disfunção perivalvar.
  • Endocardite
  • Critérios da Duke University
  • Estruturas anatômicas que mimetizam vegetações.
  • Doença arterial coronária
  • Irrigação coronária e identificação dos territórios.
  • Correlação e identificação dos segmentos miocardicos.
  • Complicações da doença arterial coronária: infarto agudo, CIV pós infarto, ruptura de músculos papilares.
  • Alterações da contratilidade – acinesia, fibrose, discinesia (casos em video). Pericárdio e pleura.
  • Diagnóstico diferencial entre os derrames.
  • Quantificação.
  • Pericardite.
  • Tamponamento.

Aula Prática com equipamentos próprios (e novos) da Escola: Vivid e (GE), Vivid S6 (GE), Vivid 3 (GE), M Turbo (Sonosite) + um equipamento fornecido por expositor (a ser contactado pela Escola). Total: 5 equipamentos (máximo de 2 alunos/equipamento).

6º dia

Aula Prática com equipamentos próprios (e novos) da Escola: Vivid e (GE), Vivid S6 (GE), Vivid 3 (GE), M Turbo (Sonosite) + um equipamento fornecido por expositor (a ser contactado pela Escola). Total: 5 equipamentos (máximo de 2 alunos/equipamento).

Encerramento do Curso às 12:00h.

Horário:

9h

Programação:

1º dia

2º dia

3º dia

4º dia

5º dia

6º dia

Princípios Físicos dos Ultrassons

Hemodinâmica dos fluidos

Princípios físicos do Doppler

Anatomia ecocardiográfica Medidas modo M e bidimensional

Doppler normal

Função sistólica

Função diastólica

Miocardiopatia hipertrófica.

Classificação das hipertrofias

Miocardiopatia
restritiva e dilatada

Valvopatias (1)

Prolapso

Endocardite

Valvopatias (2)

Próteses

Coronariopatias

Pleura_Pericárdio

  Prática

Encerramento

Dr. Nathan Herszkowicz

Dr. Nathan Herszkowicz

Dr. Nathan Herszkowicz

Dr. Nathan Herszkowicz

Dr. Nathan Herszkowicz

Dr. Nathan Herszkowicz

ALMOÇO

Descrição dos equipamentos

Laudo

Prática

Prática

Prática

Prática

 

Dr. Nathan Herszkowicz

Dr. Nathan Herszkowicz

Dr. Nathan Herszkowicz

Dr. Nathan Herszkowicz

Dr. Nathan Herszkowicz

Dr. Nathan Herszkowicz

Cancelamento e ou Desistência da Freqüência:

Caso o cancelamento da inscrição seja solicitado por escrito até 30 dias corridos antes do início do curso
Será devolvido 80% do valor pago, deduzidos todos os impostos recolhidos.

De 29 a 20 dias corridos antes do início do curso:
Será devolvido 60% do valor pago, deduzidos todos os impostos recolhidos.

De 19 a 10 dias corridos antes do início do curso:
Será devolvido 40% do valor pago, deduzidos todos os impostos recolhidos.

De 09 a 0 dias corridos antes do inicio do curso:
Não haverá qualquer tipo de reembolso.

Clique aqui para entrar em contato

Voltar

 

 
 
 
 
Cursos Unieco - Direção: Nathan Herszkowicz
Rua Peixoto Gomide 515 Conjunto 54 - Centro Médico Peixoto Gomide
Cerqueira Cesar (Metrô Trianon) - CEP: 01409-001 - São Paulo/SP
Telefone: (11) 3758-3381 | (11) 3596-3337
Desenvolvimento: Interpágina